• Cecilia Fonseca

Marília Mendonça - A Rainha da Sofrência

Updated: Mar 13

Nesta última sexta-feira (5), a cantora brasileira Marília Mendonça, de 26 anos, morreu em um acidente de avião. O avião de pequeno porte, que havia decolado de Goiânia, caiu numa área de cachoeira perto do município de Caratinga, no Vale do Rio Doce, oeste de Minas, para onde Marília viajava para cumprir sua agenda de shows, que inclusive aconteceria na sexta-feira do acidente. Além dela, morreram também mais quatro pessoas: seu produtor Henrique Ribeiro, seu tio e assessor Anicieli Silveira Dias Filho, o piloto e o copiloto do avião.

Fonte: G1


Marília Mendonça fez história no mundo da música com mais de 324 músicas registradas em seu nome, e muitos hits. Ela era uma artista consagrada, vencedora de prêmios nacionais e internacionais. Começou sua carreira com apenas 12 anos de idade, e, antes mesmo de ser cantora, teve suas músicas cantadas por artistas como João Neto e Frederico e Henrique e Juliano. Em 2016, quando ela lançou seu primeiro álbum, a cantora se destacou e fez sucesso imediato com a venda de mais de 240 mil cópias. Conhecida nacionalmente como "a Rainha da Sofrência", Marília recebeu indicação ao Grammy Latino na categoria Melhor Álbum de Música Sertaneja em 2017. Algumas de suas canções que fizeram mais sucesso foram: Infiel, Todo Mundo Vai Sofrer, Supera, e diversas outras. No ranking mundial atual, as músicas Esqueça-me Se For Capaz e Todo Mundo Menos Você aparecem em 48º e 68º respectivamente. No Spotify, entre as 200 músicas mais ouvidas no mundo hoje em dia, 74 são da Marília Mendonça (durante os anos de 2019 e 2020 ela foi a cantora mais ouvida do país).

Marília Mendonça foi uma das primeiras a abrir caminho no sertanejo para outras mulheres, através do conhecido "feminejo". O que antes era um gênero musical predominantemente masculino, a cantora revolucionou o sertanejo trazendo para as letras e aos palcos nacionais outras mulheres. Durante uma entrevista feita por Marie Claire no início de 2020, ela falou sobre como esse estilo de musicas deveria ter mais feminização: ​“Acho que faltava falar diretamente com a mulher, as letras eram sempre para homens e, vamos combinar, somos a maioria",​ disse a cantora. Esse ano, ela foi considerada a cantora com o segundo maior cachê entre os artistas sertanejos. Além de ter vários shows já agendados para 2022, ela faria uma turnê com a dupla Maiara e Maraisa. O álbum "Patroas", do trio inclusive foi indicado a Melhor Álbum de Música Sertaneja do Grammy Latino (18/11/21).


A cantora inclusive já figurou ao lado de grandes artistas como Rihanna e Beyoncé, e é uma das 10 artistas com mais visualizações na história do Youtube, com 8,8 bilhões de views. Além disso, uma das lives feita durante a pandemia (“Live Local Marília Mendonça") bateu o recorde de visualizações mundial do aplicativo, com 3,31 milhões de espectadores.

Desde sua morte, fãs, amigos, e colegas de trabalho vêm fazendo homenagens para a cantora. Maiara, cantora da dupla Maiara e Maraisa, fez sua primeira publicação depois da morte de Marília, nesta segunda (8), prestando homenagem ​​ por meio de diversos vídeos com a amiga, pedindo que ela mantenha contato "de onde estiver". Ela também publicou fotos e decidiu assumir o show que Marília Mendonça faria neste domingo (14) junto com sua dupla, Maraisa.

A cantora chegou a ser homenageada em palcos, em estádios de futebol, na televisão, nas redes sociais e nas ruas de Goiânia.

O jogador de futebol Neymar, por exemplo, dedicou um gol a ela e mostrou uma camisa escrita: “serei seu eterno fã, rainha da sofrência”.


Zezé Di Camargo - “A linguagem era de uma jovem, mas a atitude era de uma mulher que sabia o que queria, dona de si. Ela representou uma coisa muito forte dentro da música brasileira”, afirmou."

Roberta Miranda - “Quem me conhece sabe que eu não aguento esse baque e passo mal mesmo, principalmente vindo de uma pessoa que é como se fosse uma sementinha minha. Que Deus dê muita força para a família e para os fãs”, disse.

Luísa Sonza - “Você segue viva, porque todo o Brasil tem uma parte de você”

Murilo Huff (ex marido) - "Sigo aqui, ainda sem palavras, mas já vi que isso não vai passar. Não tão cedo. Você foi sem avisar e deixou um buraco dentro de mim. Um buraco que ninguém nunca vai conseguir tapar. Talvez esse pequenininho correndo aqui na sala me ajude a enfrentar sua falta. Ou talvez ele me faça sentir mais falta ainda, pq ele é sua cara. Eu não sei. Eu tô perdido. Mas te prometo que eu vou encontrar o caminho e vou cuidar dele, com todas as minhas forças. Assim como você me pediu na última mensagem que me mandou ontem cedo, antes de entrar naquele avião. Vou cuidar dele, vou cuidar da sua mãe, do João, do deivão, e de todos os que você amava, mas vou precisar da sua ajuda aí de cima viu? Eu juro que queria ter agora pelo menos 1% da força que você sempre teve. Pra poder aguentar essa dor.

Muito obrigado por compartilhar sua vida comigo nesses quase 4 anos juntos. Muito obrigado por ter me dado o meu maior presente. Muito obrigado por ter me feito feliz (nem sempre a gente se entendia mas a gente sempre foi especialista em tentar, e isso aquece meu coração e me conforta). Muito obrigado por ter me ensinado tanto. Muito obrigado por sempre ter acreditado e respeitado o meu sonho. Muito obrigado por ter me amado. Muito obrigado por ter deixado eu te amar. Eu vou te amar pra sempre sua teimosa"






Link das homenagens feitas por Maiara e Maraisa:

https://www.instagram.com/maraisa/

https://www.instagram.com/maiaraemaraisa/


Para homenagear Marília, vários fãs fizeram desenhos e edições também:


5 views0 comments